Biografia de Woody Allen

Woody Allen

Woody Allen, nome artístico de Allan Stewart Königsberg, nasceu no Brooklyn, em Nova Iorque, no dia 1 de dezembro de 1935. Muito jovem, começou a vender textos de humor para comediantes de jornais e programas de rádio. Mais tarde, escreveu esquetes para clubes noturnos, revistas da Broadway e programas de televisão.

Sua primeira aparição na televisão se deu em Tonight Show, sendo então descoberto pelo produtor Charles Feldman, que o encarregou de escrever e estrear em “O Que é Que há, Gatinha”, parodiando um filme de James Bond. Nessa época já mostrava admiração pelo Jazz e começou a tocar saxofone e clarinete.

Em 1969, estreou como diretor na comédia “Um Assaltante Bem Trapalhão”. Começou a produzir um filme por ano, trabalhos que mostraram seu dom para a sátira, o que atualizou a comédia norte-americana. Em 1972 protagonizou com a atriz Diane Keaton o filme “Sonhos de Um Sedutor”, de Herbert Ross. A interpretação de Allen nessa comédia foi um marco de sua carreira.

Allen e Keaton iniciaram uma relação sentimental e juntos participaram de diversos filmes, entre eles, o mais famoso dirigido por Allen, “Noivo Neurótico, Noiva Nervosa” (1977), que recebeu quatro premiações do Oscar: Melhor Diretor, Melhor Roteirista e Melhor Filme. O Prêmio de Melhor Atriz foi para Diane Keaton. Depois de rodar o drama, “Interiores” (1978), Allan voltou para a comédia com “Manhattan” (1979), com Maryl Streep e Diane Keaton uma dos mais destacados trabalhos de sua carreira. O filme foi indicado ao Oscar de Melhor Roteiro e Melhor Atriz coadjuvante para Mariel Hemingray.

Pouco a pouco os trabalhos de Allen foram mostrando sua forte personalidade com motivos recorrentes como o judaísmo, a psicanálise e a comunicação entre os casais, sem parecer repetitivos. Nessa linha, depois de Manhattan, dirigiu “A Rosa Púrpura do Cairo” (1985) e “Hannah e Suas Irmãs” (1986), que conquistou o Prêmio de Melhor Roteiro Original e recebeu 18 indicações. O filme foi protagonizado por Mia Farrow, sua nova parceira, depois da separação com Diane Keaton no início dos anos 80. A relação com Mia durou até 1992, quando Allan começou um polêmico envolvimento com Soon Yi filha adotiva de Mia com o músico André Previn.

Woody Allan é autor de vários livros em que mostra seu ácido e inteligente humor como “Getting Even” (1971), “Without Feathers” (1975), “Fora de Órbita” (2007), entre outros. Entre os mais recentes filmes de Wood Allen destacam-se: “Meia Noite em Paris” (2011), “Para Roma Com Amor” (2012), “Blue Jasmine” (2013), “Magia ao Luar” (2014), “O Homem Irracional” (2015), “Café Society” (2016) e “Roda Gigante” (2017), com Kate Winslet e Justin Timberlake.

Acervo: 77 frases e pensamentos de Woody Allen.

Frases e Pensamentos de Woody Allen

As pessoas boas dormem muito melhor à noite do que as pessoas más. Claro, durante o dia as pessoas más se divertem muito mais.

Woody Allen
3.7 mil compartilhamentos

Não é que eu tenha medo de morrer. É que eu não quero estar lá na hora que isso acontecer.

Woody Allen
3.4 mil compartilhamentos

Não despreze a masturbação - é fazer sexo com a pessoa que você mais ama.

Woody Allen
964 compartilhamentos

É muito difícil fazer sua cabeça e
seu coração trabalharem juntos.
No meu caso, eles não são nem amigos.
(Crimes e Pecados)

Woody Allen
739 compartilhamentos

Só há um tipo de amor que dura, o não correspondido.

Woody Allen
1.6 mil compartilhamentos