Platão

126 - 150 do total de 168 pensamentos de Platão

É mau aquele amante popular, que ama o corpo mais que a alma; pois não é ele constante, por amar um objeto que também não é constante.

(Em "O Banquete")

Platão
24 compartilhamentos

A quem tem juízo, poucos sensatos são mais temíveis que uma multidão insensata.

(Em "O Banquete")

Platão
2 compartilhamentos

Quando com efeito ao mesmo porto chegam amante e amado, cada um com a sua norma, um servindo ao amado que lhe aquiesce, em tudo que for justo servir, e o outro ajudando ao que o está tornando sábio e bom, em tudo que for justo ajudar, o primeiro em condições de contribuir para a
sabedoria e demais virtudes, o segundo em precisão de adquirir para a sua educação e demais competência, só então, quando ao mesmo objetivo convergem essas duas normas, só então é que coincide ser belo o aquiescer o amado ao amante e em mais nenhuma outra ocasião.

(Em "O Banquete")

Platão
Inserida por rodkalenninfe

Ele é delicado. Não é com efeito sobre a terra que ele anda, nem sobre cabeças, que não são lá tão moles, mas no que há de mais brando entre os seres é onde ele anda e reside. Nos costumes, nas almas de deuses e de homens ele fez sua morada, e ainda, não indistintamente em todas as almas, mas da que encontre com um costume rude ele se afasta, e na que o tenha delicado ele habita. Estando assim sempre em contato, nos pés como em tudo, com os que, entre os seres mais brandos, são os mais brandos, necessariamente é ele o que há de mais delicado. É então o mais jovem, o mais delicado, e além dessas qualidades, sua constituição é úmida. Pois não seria ele capaz de se amoldar de todo jeito, nem de por toda alma primeiramente entrar, despercebido, e depois sair, se fosse ele seco. De sua constituição acomodada e úmida é uma grande prova sua bela compleição, o que excepcionalmente todos reconhecem ter o Amor; é que entre deformidade e amor sempre de parte a parte há guerra.

(Em "O Banquete")

Platão
Inserida por rodkalenninfe
1 compartilhamento

É ele que nos tira o sentimento de estranheza e nos enche de familiaridade, promovendo todas as reuniões deste tipo, para mutuamente nos encontrarmos, tornando-se nosso guia nas festas, nos coros, nos sacrifícios; incutindo brandura e excluindo rudeza; pródigo de bem-querer e incapaz de mal-querer; propício e bom; contemplado pelos sábios e admirado pelos deuses; invejado pelos desafortunados e conquistado pelos afortunados; do luxo, do requinte, do brilho, das graças, do ardor e da paixão, pai; diligente com o que é bom e negligente com o que é mau; no labor, no temor, no ardor da paixão, no teor da expressão, piloto e combatente, protetor e salvador supremo, adorno de todos os deuses e homens, guia belíssimo e excelente, que todo homem deve seguir, celebrando-o em belos hinos, e compartilhando do canto com ele encanta o pensamento de todos os deuses e homens.
(Em "O Banquete")

Platão
Inserida por rodkalenninfe

Com efeito, todos os homens concebem, não só no corpo como também na alma, e quando chegam a certa idade, é dar à luz que deseja a nossa natureza. Mas ocorrer isso no que é inadequado é impossível. E o feio é inadequado a tudo o que é
divino, enquanto o belo é adequado. Moira então e Ilitia do nascimento é a Beleza. Por isso, quando do belo se aproxima o que está em concepção, acalma-se, e de júbilo transborda, e dá à luz e gera; quando porém é do feio que se aproxima, sombrio e aflito contrai-se, afasta-se, recolhe-se e não gera, mas, retendo o que concebeu, penosamente o carrega. Daí é que ao que está prenhe e já intumescido é grande o alvoroço que lhe vem à vista do belo, que de uma grande dor liberta o que está prenhe.

(Em "O Banquete")

Platão
Inserida por rodkalenninfe

Na verdade, foi este sem dúvida um ponto em que em minhas palavras eu deixei passar, que também os seus discursos são muito semelhantes aos silenos que se entreabrem. A quem quisesse ouvir os discursos de Sócrates pareceriam eles inteiramente ridículos à primeira vez: tais são os nomes e frases de que por fora se revestem eles, como de uma pele de sátiro insolente! Pois ele fala de bestas de carga, de ferreiros, de sapateiros, de correeiros, e sempre parece com as mesmas palavras dizer as mesmas coisas, a ponto de qualquer inexperiente ou imbecil zombar de seus discursos. Quem porém os viu entreabrir-se e em seu interior penetra, primeiramente descobrirá que, no fundo, são os únicos que têm inteligência, e depois, que são o quanto possível divinos, e os que o maior número contêm de imagens de virtude, e o mais
possível se orientam, ou melhor, em tudo se orientam para o que convém ter em mira, quando se procura ser um distinto e honrado cidadão.

(Em "O Banquete")

Platão
Inserida por rodkalenninfe

o que ouço,sei;
o que vejo,lembro;
e o que faço,sei

Platão
94 compartilhamentos

quem ama estreitamente deixa de viver em si e vive no k ama

Platão
2 compartilhamentos

Jamais se deve proceder contra a justiça. Nem mesmo retribuir a injustiça com a injustiça, como pensa a multidão, pois o procedimento injusto é sempre inadmissível.

Platão
34 compartilhamentos

Visto que todos nós aspiramos a ser felizes, e que obviamente atingimos esse estado mediante o uso das coisas, e de um uso correto, e que é o saber que proporciona a retidão e o êxito, então parece-me que é necessário que todo o homem se prepare, de todos os modos, para ser o mais sábio possível, não achas?
(Eutidemo)

Platão
Inserida por wariss

"O belo é o esplendor da verdade".

Platão
2 compartilhamentos

"O que mais vale não é viver, mas viver bem".

Platão
2 compartilhamentos

"Praticar injustiças é pior que sofrê-las".

Platão
3 compartilhamentos

"A harmonia se consegue através da virtude".

Platão
Inserida por wariss

"A educação deve possibilitar ao corpo e à alma toda a perfeição e a beleza que podem ter".

Platão
61 compartilhamentos

Os seres humanos tem uma visão distorcida da realidade. No mito, os prisioneiros somos nós que enxergamos e acreditamos apenas em imagens criadas pela cultura, conceitos e informações que recebemos durante a vida. A caverna simboliza o mundo, pois nos apresenta imagens que não representam a realidade. Só é possível conhecer a realidade, quando nos libertamos destas influências culturais e sociais, ou seja, quando saímos da caverna.
(O Mito da Caverna)

Platão
2 compartilhamentos

The measure of a man is what he does with power.

Platão
Inserida por bruno8891

"Podemos facilmete perdoar uma criança que tem medo do escuro; a real tragédia da vida é quando os homens têm medo da luz"
" Quem comete uma injustiça é sempre mais infeliz que o injustiçado"

Platão
2 compartilhamentos

"Deve-se temer a velhice, porque ela nunca vem só. Bengalas são provas de idade e não de prudência"

Platão
Inserida por josuemarquesjm

Se der certo, não tem como não dar errado

Platão
Inserida por Rodinho

O autor do mundo pensou em fazer uma imagem móvel da eternidade e, ao mesmo tempo que organizava o céu, fez, da eternidade una e imóvel, essa imagem eterna que progride segundo a lei dos números e a que chamamos o Tempo. (Timeu)

Platão
Inserida por EmOutrasPalavras

ataaaaaaaaa

Platão
Inserida por alexandresousagrupo

Temos que falar aquilo que pensamos,mas temos que pensar naquilo que falamos!

Platão
128 compartilhamentos

A alma é pois, imortal; renasceu repetidas vezes na existência e contemplou todas as coisas existentes e por isso não há nada que ela não conheça! Não é de espantar que ela seja capaz de evocar à memória a lembrança de objetos que viu anteriormente, e que se relacionam tanto com a virtude como com as outras coisas existentes. Toda a natureza, com efeito, é uma só, é um todo orgânico, e o espírito já viu todas as coisas; logo nada impede que ao nos lembrarmos de uma coisa – o que nós, homens, chamamos de “saber” – todas as outras coisas acorram imediata e maquinalmente à nossa consciência. [...] pois sempre, toda investigação e ciência são apenas simples recordação.
A fala transcrita no texto é de Sócrates, que conversa com Mênon. Para ilustrar a teoria da reminiscência, chama um escravo e lhe pede que examine umas figuras sensíveis e , por meio de perguntas, o estimula a “lembra-se” das ideias e a descobrir uma verdade geométrica.

Platão
14 compartilhamentos