Biografia de Miguel Falabella

Miguel Falabella

Miguel Falabella de Souza Aguiar nasceu no Rio de Janeiro no dia 10 de outubro de 1956. Foi aluno do Colégio Andrews onde começou a fazer teatro. Estudou na escola de formação de atores, o Teatro Tablado. Sua estreia no palco foi aos 18 anos com a peça O Dragão, de Eugene Schwarz. Nessa época, estudava no curso de Letras da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Em 1976, junto com a atriz Maria Padilha, organizou um grupo de teatro que estreou com a peça O Despertar da primavera, seu primeiro trabalho como profissional. Entre 1978 e 1985 lecionou teatro no Colégio Andrews. Em 1982 fez seu primeiro trabalho na TV em Caso Verdade, na Globo.

Em 1983 atuou em sua primeira novela, Sol de Verão. Na TV Globo, onde permaneceu durante 39 anos, Falabella atuou em novelas, séries, foi autor, diretor e apresentados. Durante 15 anos, de 1987 até 2001, apresentou o programa Video Show.

Falabella fez grande sucesso atuando no programa Sai de Baixo, uma mistura de teatro e TV, vivendo o personagem Caco Antibes, o marido de Magda (Marisa Orth), quando surgiram as famosas expressões: Cala a boca Magda, Canguru Perneta e Eu tenho horror a pobre.

Entre 2003 e 2007, Falabella foi gestor da rede municipal de teatro do Rio de Janeiro, na prefeitura de César Maia. Além de teatro e TV, Falabella foi ator e diretor de cinema. Sua primeira direção foi em Polaroides Urbanas (2008). Em 2020, teve seu contrato encerrado na TV Globo.

Acervo: 17 frases e pensamentos de Miguel Falabella.

Frases e Pensamentos de Miguel Falabella

Não importa o quanto essa nossa vida nos obriga a ser sérios. Todos nós procuramos alguém para sonhar, brincar, amar e tudo o que precisamos é de uma mão para segurar e um coração para nos entender.

Miguel Falabella
1.7 mil compartilhamentos

As coincidências às vezes são soluções que a vida encontra pra mudar o rumo da história.

Miguel Falabella
985 compartilhamentos

Nunca e sempre são duas palavras que só deviam existir nos contos de fadas. São palavras que fazem parte de promessas geralmente impossíveis de serem cumpridas.
Mas como é bom ouvi-las, não é mesmo? Graças a elas, não sentimos tanto medo e insegurança quando o futuro parece tão incerto...

Miguel Falabella
413 compartilhamentos

"O que é que todos nós queremos no fim das contas? Alguém que nos ama, nos assuma, nos perdoe. Sim, porque quase sempre amar é uma grande troca de perdões. Quem não sabe perdoar ainda não está pronto para o amor!".

Miguel Falabella
1.2 mil compartilhamentos

Albert Einstein dizia que: "Só há duas maneiras de viver a vida: A primeira é vivê-la como se os milagres não existissem, a segunda é vivê-la como se tudo fosse um milagre!" E por isso, meu amigo, jamais se desespere em meio às sombrias aflições da vida, pois é das nuvens mais escuras e pesadas que cai a água mais limpa e fértil.

Miguel Falabella
788 compartilhamentos