Biografia de Khalil Gibran

Khalil Gibran

Gibran Kahlil Gibran nasceu em janeiro de 1883, no Líbano. Em 1894 foi para os Estados Unidos, juntamente com a mãe, o irmão e duas irmãs. Foi aí que passou a adotar a grafia mais simples de Khalil Gibran.

Retornou ao Líbano quatro anos depois, para completar seus estudos árabes. Lá permaneceu até 1902, quando retornou para os EUA.

Nessa época, escreveu poemas e meditações para um jornal árabe publicado em Boston, chamado Al-Muhajer (O Emigrante). Além disso, dedica-se à pintura e uma exposição de seus quadros desperta o interesse de Mary Haskell, uma diretora de escola americana. Mary oferece a Gibran custear seus estudos de artes em Paris.

Então, entre 1908 e 1910, Gibran estudou e trabalhou em Paris. Conheceu, inclusive, o artista Auguste Rodin. Em 1910, uma de suas telas é escolhida para a Exposição de Belas Artes. Foi nesse período também que o autor escreveu algumas de suas obras, como “A Música”, de 1905; “As Ninfas do Vale”, de 1906 e “Espíritos Rebeldes”, de 1908, escritos em árabe.

Posteriormente, foram escritos: “Asas Partidas”, de 1912; “Uma Lágrima e um Sorriso”, de 1914; “A Procissão”, de 1919 e “Temporais”, de 1920.

Mas, a partir de 1918, Gibran passa a escrever mais em inglês, escrevendo mais alguns livros nessa língua: “O Louco”, de 1918; “O Precursor”, de 1920; “O Profeta”, de 1923; “Areia e Espuma”, de 1927; “Jesus, o Filho do Homem”, de 1928 e “Os Deuses da Terra”, de 1931.

Apesar da dedicação aos livros, Gibran não deixou de lado o desenho e a pintura. Todos os seus livros escritos em inglês foram ilustrados pelo autor e seus quadros foram expostos em Boston e Nova York.

O escritor e pintor faleceu em 1931, em Nova York, após uma crise pulmonar.

Os livros “O errante”, O jardim secreto do Profeta” e “Curiosidades e Belezas” foram lançados após a sua morte.

Acervo: 148 frases e pensamentos de Khalil Gibran.

Frases e Pensamentos de Khalil Gibran

Aquele que nunca viu a tristeza, nunca reconhecerá a alegria.

Khalil Gibran
17 mil compartilhamentos

O amigo é a resposta aos teus desejos. Mas não o procures para matar o tempo! Procura-o sempre para as horas vivas. Porque ele deve preencher a tua necessidade, mas não o teu vazio.

Khalil Gibran
9.8 mil compartilhamentos

Aprendi o silêncio com os faladores, a tolerância com os intolerantes, a bondade com os maldosos; e, por estranho que pareça, sou grato a esses professores.

Khalil Gibran
17 mil compartilhamentos

Quando o amor vos fizer sinal, segui-o; ainda que os seus caminhos sejam duros e escarpados. E quando as suas asas vos envolverem, entregai-vos; ainda que a espada escondida na sua plumagem vos possa ferir.

Khalil Gibran
2 mil compartilhamentos

Quem não sabe aceitar as pequenas falhas das mulheres não aproveitará suas grandes virtudes.

Khalil Gibran
5.9 mil compartilhamentos