Biografia de Eduardo Galeano

Eduardo Galeano

Eduardo Galeano (1940-2015) foi escritor e jornalista uruguaio. É o autor da obra-prima, "As Veias Abertas da América Latina".

Eduardo Hugles Galeano nasceu em Montevideo, capital do Uruguai, no dia 03 de setembro de 1940. Com 14 anos de idade vendeu sua primeira charge política. Trabalhou como pintor de letreiros, datilógrafo e caixa de banco. Iniciou sua carreira de jornalista no final dos anos 60, como chefe de redação do semanário “Mancha”. Foi editor do jornal Época.

Em 1971, escreveu sua obra prima “As Veias Abertas da América Latina”. Em 1973, com o golpe militar no Uruguai, Galeano é preso e se exila na Argentina, onde lançou ”A Crisis” uma revista sobre cultura. Em 1976, com o golpe militar do general Jorge Videla, Galeano se exila na Espanha. Nessa época inicia a trilogia “Memórias do Fogo”. Em 1985, com a redemocratização do Uruguai, Galeno retornou para Montevideo.

Em 1989, a trilogia “Memórias do Fogo” foi premiada pelo Ministério da Cultura do Uruguai. Galeano é autor das obras, “O livro dos Abraços” (1991), “Futebol ao Sol e à Sombra” (1995), “De Pernas Pro Ar” (1999) e “Dias e Noites de Amor e de Guerra” (2001).

Acervo: 64 frases e pensamentos de Eduardo Galeano.

Frases e Pensamentos de Eduardo Galeano

Somos o que fazemos, mas somos, principalmente, o que fazemos para mudar o que somos.

Eduardo Galeano
18 mil compartilhamentos

Para que serve a utopia? Serve para isso: para que eu não deixe de caminhar.

Eduardo Galeano
11 mil compartilhamentos

O corpo não é uma máquina como nos diz a ciência. Nem uma culpa como nos fez crer a religião. O corpo é uma festa.

Eduardo Galeano
4.6 mil compartilhamentos

Quando as palavras não são tão dignas quanto o silêncio, é melhor calar e esperar.

Eduardo Galeano
1.3 mil compartilhamentos

A memória guardará o que valer a pena. A memória sabe de mim mais que eu; e ela não perde o que merece ser salvo.

Eduardo Galeano
1.1 mil compartilhamentos