Dartagnan da Silva Zanela

126 - 150 do total de 279 pensamentos de Dartagnan da Silva Zanela

Vivemos numa época em que anunciar e dizer o óbvio se tornou um insulto e, a loucura e a estupidez, tranaram-se na medida da douta sobriedade.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Reduzir tudo aos limites da esfera do mundo político é uma deformação espiritual bestial que mutila profundamente o significado de tudo o que caracteriza a vida humana.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Diante da morte, o nosso comportamento perante ela, desnuda-nos; revelando aos olhos de todos a real proporção de luz e sombras que há no âmago de nosso ser.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Em que medida somos sal da terra e luz do mundo? Na medida em que não tememos desagradar o mundo, não supervalorizamos a carne e lutamos de peito aberto o bom combate contra as tentações do inimigo.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Esse negócio de cultivar uma sensibilidade extremada, pautada em lorotas politicamente corretas, apenas evidencia o quanto o sujeito quer ser adulado sem jamais ser corrigido.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Esse negócio de se ofender por qualquer coisa, por qualquer palavra desajeitadamente dita, de certo modo, seria o equivalente a tal síndrome de toque.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

São Paulo adverte-nos em uma de suas epístolas sobre o tempo das fábulas; tempo onde a verdade seria proclamada do alto dos telhados e, mesmo assim, não seria ouvida pelos homens.

Séculos mais tarde, o escritor inglês G. K. Chesterton, rediz o que fora apontado pelo Apóstolo dos gentios, porém, com o seu característico jeitão jocoso. Disse ele, mais ou menos assim: que, cedo ou tarde, viveríamos um tempo em que dizer que a grama é verde seria considerado um absurdo, um insulto à inteligência.

Pois é, hoje em dia há pouquíssima margem para dúvidas quanto ao fato de estarmos imersos nessa época, no tempo das fábulas, onde a insanidade politicamente correta considera o anuncio duma obviedade patente um insulto sem precedentes que deveria ser amoldado e reduzido ao nível da mais rasa demência diplomada para que a verdade não mais seja ouvida e compreendida.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

A regra é bem simples: um psicopata acaba sempre rodeado por uma multidão de histéricos que idolatram cegamente todas as estripulias exibidas pela personalidade deformada que tanto os fascina, pouco importando a situação ou o contexto em que a encenação psicopática seja apresentada. Sim, sei que o trem é triste, mas é desse jeito e, por isso mesmo, um trem pra lá de sério.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Para aprender qualquer coisa é imprescindível que, antes de tudo, estejamos de fato dispostos a aprender algo sobre a dita cuja. Sim, sei que isso é óbvio, mas, obviamente que esquecemos frequentemente desse indispensável detalhe.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Se não reconhecermos que a realidade é muito mais densa e complexa que nossa capacidade de compreensão e que ela é mais ampla do que nossa disposição para entende-la, jamais poderemos romper os limites da nossa mediocridade essencial.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Um país, como o Brasil, que vive mentido sobre si, através de números artificiosos e por meio farsas historicamente construídas, jamais terá algo verdadeiro, bom e belo como futuro.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

O silêncio é imprescindível para nos defendermos das balburdias ideológicas e midiáticas que vicejam a nossa alma para devorá-la. Desgostar e mesmo temer o silêncio já é, em si, um sinal de degenerescência do caráter e de decrepitude da personalidade.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

O espírito de sacrifício é a base de uma vida honrada. Quanto mais elevada é a posição que o indivíduo ocupa numa sociedade, maior deve ser essa inclinação em sua alma. Sem isso, não há nobreza. Sem esse espírito aristocrático a democracia reduz-se a uma reles oclocracia coroada pela vilania oportunista de qualquer tirania.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Os traidores, pouco importa quem ou o que eles sejam, de um modo geral, não passam de tiranos vulgares. Déspotas derrotados pelas circunstâncias que, por não poderem fazer valer a sua vontade, contentam-se canalhamente com um papel menor, de figurante, para poder impor, mesmo que parcialmente, os seus interesses mesquinhos.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

A moral tem a mesma raiz que o sagrado. Uma com o outro são os alicerces da vida em sociedade e sustentáculos da alma humana. Por isso, é praticamente inevitável que quando o segundo é achincalhado a primeira venha a entrar em franca deterioração. Consequentemente, a sociedade não tem como não acabar mergulhando gradativamente no caos e as pessoas acabarem ficando desamparadas, perdendo-se em meio aos entulhos, religiosos e morais, que jazem no âmago de suas atormentadas almas que, vagarosamente, terminam por abdicar do bom senso e da razão.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

No Brasil, a feiura moral e a deformidade estética não são acidentais não; são um megalomaníaco projeto político orquestrado por gerações e gerações de pessoas desfiguradas espiritualmente.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Os caiporas radicalmente chiques, com suas confrarias críticas de doer, celebram a feiura e a deformidade como se essas tranqueiras fossem a expressão da mais refinada daquilo que eles chamam de vanguarda artística.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

O belo, o verdadeiro e o bom, no Brasil, encontram-se artificiosamente divorciados; e se essa tríade é apresentada dessa maneira fragmentária às tenras gerações, a apreciação da beleza, o contemplação da verdade e a realização da bondade tornam-se uma impossibilidade.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Não é de bom alvitre deitar as vistas nas páginas da história para simplesmente afirmar que tudo o que aconteceu, e que os protagonistas desses acontecimentos, seria apenas a expressão do que há de pior na espécie humana.

Fazer isso seria apenas, na melhor das hipóteses, uma forma soberba de celebrar vaidosamente a nossa mediocridade.

Por isso, no fundo, todo esse trelelê de história crítica não passa duma reminiscência duma ilação infantil, do tipo: sou bonzinho porque não sou como o fulaninho.

Enfim, devemos sim, penso eu, voltar nossos olhos para a história e com humildade e piedade procurar aprender com os erros de antanho e inspirar-nos nos acertos e, desse modo, crescermos em espírito e verdade e nos tornar, se possível, dignos, prestativos e bons.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Os invejosos são elementos integrantes da glória; indivíduos que, contrariados, acabam sempre dando seu testemunho fecal sobre as conquistas dos outros.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Quando um intelectual, todo cheio de direitos dos manos e demais tranqueiras paridas pelo marxismo cultural enxovalhar os policiais militares sem dó ou clemência, lembre-o: esses homens e mulheres, bem ou mal, com e sem farda, arriscam suas vidas diariamente para, dentro do possível, fazer valer a segurança de ilustres desconhecidos como eu e você.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

A nobreza de caráter consiste em não exagerar na descrição de nossos padecimentos. Ao contrário! Para os indivíduos altivos todo e qualquer sofrimento é visto como uma oportunidade para levantarmos a cabeça e olharmos para além da poeira do momento. E, por essas e outras que onde não há um povo com essa têmpera a democracia não passa de uma assembleia de medíocres - com almas de geleia - manipulados por escroques e canalhas da pior estirpe.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

De um modo geral, os professores com duas ou mais mãos canhotas – cuja cartilha começa com greve e termina com invasão [ou ocupação, como preferem dizer] - não entendem que uma coisa é ser [ou imaginar-se] professor, outra bem diferente é ser visto e reconhecido como um.

Querer a primeira sem lavorar para edificar a segunda é um baita tiro no pé. Podemos até desgostar disso, mas, como dizem os tongos, essa é a mais pura verdade. Só não vê isso quem não quer.

As potestades estatais entenderam muito bem essa lição e a colocaram em prática com paciência e astúcia maquiavélica; já as facções sindicais não e, ao que tudo indica, não estão muito interessadas em aprender nada com essa amarga instrução que nos é oferecida pelas muvucas dos últimos anos para infelicidade geral daqueles que elas supostamente dizem representar.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

A fé ilumina a razão e essa fundamenta a fé. A fé que abandona a razão acaba desesperando e, quando a razão ignora a fé, ela também, da sua maneira, cai em aflição.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita

Um diploma, pouco importando do que seja e de onde ele venha, é apenas um papel que atesta que nós passamos por um determinado lugar e que cumprimos certos ritos burocráticos. Porém, esse papel tão valorizado pela sociedade contemporânea, pouco ou nada diz a respeito do tipo de pessoa que nós somos. Pouco mesmo.

Dartagnan da Silva Zanela
Inserida por areopagita