Biografia de Carl Gustav Jung

Carl Gustav Jung

Carl Gustav Jung nasceu em Kesswil, na Suíça, no dia 26 de junho de 1875. Com quatro anos, mudou-se com a família para a Basiléia, na época, um grande centro cultural da Suíça. Estudou Biologia, Zoologia, Paleontologia e Arqueologia. Com 20 anos ingressou na Universidade de Medicina da Basiléia e logo despertou o interesse pelo estudo dos fenômenos psíquicos.

Formou-se em 1900 e iniciou sua vida profissional como assistente do psiquiatra Eugen Bleuler, na Clínica Bugholzli, em Zurique. Em 1902 obteve o doutorado na Universidade de Zurique, com a dissertação “Psicologia e Patologia dos Fenômenos Chamados Ocultos”. Em 1904 montou um laboratório experimental onde iniciou a aplicação de sua tese para o diagnóstico psiquiátrico, através da associação das palavras. Identificou conteúdos psíquicos reprimidos para o qual denominou de “complexo”, estudo explorado por Freud.

Em 1905 tornou-se livre docente de Psiquiatria na Universidade de Zurique. Em 1906, Jung, Adler, Jones e Stekel, se juntaram a Freud. Em 1908, se reuniram no primeiro Congresso Internacional de Psicanálise. Dois anos mais tarde, o grupo fundou a Associação Internacional Psicanalítica, da qual Jung se tornou o presidente e criou sucursais em vários países.

Depois de vários anos trabalhando juntos, Jung e Freud viram que suas relações estavam chegando ao fim, com Jung de um lado contestando os princípios da análise de Freud sobre a grande influência que os traumas sexuais deixavam na vida humana e por outro lado, Freud não admitia que os fenômenos espirituais fossem usados por Jung como fonte de estudos.

O relacionamento de Jung com Freud acabou de vez quando Jung publicou “Psicologia do Inconsciente” (1911) no qual fez alguns argumentos contra as ideias de Freud. Em 1912 publicou “Símbolos e Transformações da Libido”. Jung procurava entender o significado simbólico dos conteúdos do inconsciente, a fim de fazer a distinção entre a psicologia individual e a psicanálise, deu à sua disciplina o nome de “Psicologia Analítica”.

Carl Gustav Jung se destacou no uso de técnicas de estudos dos desenhos e dos sonhos. Ambos relacionados ao inconsciente humano. Publicou “Tipos Psicológicos” e estabeleceu as diferenças entre sua posição e a de Freud. Estudou a simbologia mitológica e religiosa. Publicou dezenas de outros estudos e trabalhos. Carl Jung faleceu em Zurique, na Suíça, no dia 6 de junho de 1916.

Acervo: 18 frases e pensamentos de Carl Gustav Jung.

Frases e Pensamentos de Carl Gustav Jung

Your vision will become clear only when you can look into your own heart. Who looks outside, dreams; who looks inside, awakes.

Carl Gustav Jung
129 compartilhamentos

Minha vida é a história de um inconsciente que se realizou.
Tudo o que nele repousa aspira a tornar-se acontecimento, e a
personalidade, por seu lado, quer evoluir a partir de suas
condições inconscientes e experimentar-se como totalidade

Carl Gustav Jung
142 compartilhamentos

"A função geral dos sonhos é tentar reestabelecer a nossa balança psicológica, produzindo um material onírico que reconstitui, de maneira sutil, o equilíbrio psíquico total. É ao que chamo função complementar (ou compensatória) dos sonhos na nossa constituição psíquica."

Carl Gustav Jung
74 compartilhamentos

O que negas te subordina. O que aceitas te transforma.

Carl Gustav Jung
344 compartilhamentos

É ilusório imaginar que o homem possa dominar e controlar a natureza, se ele não foi ainda capaz de controlar e enxergar a sua própria natureza.

Carl Gustav Jung
325 compartilhamentos