Apaixonar

Cerca de 1703 frases e pensamentos: Apaixonar

Quem não tem a capacidade de apaixonar-se todos os dias ao final da tarde pelas crianças não sabe o que é sonho.

Sidiney Breguêdo
Inserida por breguedo

Fazer poesia é fazer casulos de cobertores e sofás e brincar dentro deles fazendo comidinha. Ah, é lá dentro que apaixonamos a primeira vez.

Sidiney Breguêdo
Inserida por breguedo

Hoje aprendi que tenho amado e me apaixonado pelo que desejo, e não por quem o é.

Carlos Delfino
Inserida por carlosdelfino

Antes fossemos inimigos,
seria bem mais fácil te odiar.
Mas você tinha que ser meu amigo.
Isso pra mim é um perigo.
Pra que que eu fui me apaixonar?

Maria Leticia Nobre
Inserida por MLeticiaNobre

“Quando amamos alguém, na maoria das vezes este amor nos leva a mudar nossos costumes, para termos um bom relacionamento, e isto é saúdavél. Agora como não mudar de direção, de atitudes quando se apaixonamos por Cristo, o autor da vida, o verdadeiro amor e principe da Paz”.

Alex Lima
Inserida por alexpliros

Eu me apaixonei, e foi sem querer, eu não consigo mais viver sem você.

Jully Hellem Duarte
Inserida por JullyD

A verdade e que não gosto de me apaixonar,pois, quando eu amo fico bobo a ponto de me entregar.

Adriano_Donizetti
Inserida por adrianodonizetti

Amar é um suicídio: entregamos nosso coração para um coração desconhecido.

Eduarda Bringmann
Inserida por eduardabringmann

Então você encontra alguém e se encanta. Aquela imagem desperta o seu desejo e você fica bem por isso, desfruta o momento mais feliz do seu dia, ou talvez o único momento de felicidade. Você quer que essa sensação se repita, e acredita que tudo acontecerá da mesma forma, ou será ainda melhor. Acredita que o acaso te apresentou há pouco um ser que tem o dom de melhorar a rotina dos seres humanos porque é alguém especial.
Vocês trocam olhares, e num instante estão se beijando. Esse beijo parece ser o melhor que alguém já conseguiu te dar (e olha que não foi por falta de tentativas). Vocês trocam telefones, e você já imagina como o papo será agradável, em um dia de insônia, às três da manhã. E você espera ansiosamente por essa ligação, quando o telefone toca você quase nem consegue entender o que vem do outro lado da linha. Só sabe que é muito bom escutar aquela voz.
À medida que os dias vão passando, a pessoa ocupa um espaço cada vez maior nos seus pensamentos, e você tem certeza de que ela será tudo o que você sonhou. E continua sonhando. Você sente que, mesmo que algumas coisas não estejam indo bem, o tempo vai consertar tudo, porque aquela é a criatura feita sob medida para você. E pode dar certo. Ou não. Você tira o peso do mundo dos seus ombros e coloca nos ombros do outro.
Apaixonar-se é ser preconceituoso.

Petrônio Augusto Carvalho Olivieri Filho
Inserida por petronio.olivieri
1 compartilhamento

Não se apaixone por mim:
eu posso te machucar, criança...

Augusto Branco
Inserida por AugustoBranco1

Todos querem ser amados. Todos querem estar apaixonados. Mas eles acreditam que encontraram o amor? É engraçado, mas o que todos realmente adoram é uma história de amor. É por isso que eu as coleciono.

Emanuel Axel
Inserida por EmannuelAxell

Se eu não me apaixonar, não perco tempo, não desgasto batom e nem rímel.
Se eu não me apaixonar, não faço questão do sim e nem do não.
Se eu não me apaixonar, não serei convencida e muito menos me contentarei com pouco.
Ahhh, mas se eu me apaixonar, mergulho, me jogo e entro no jogo.

Cris Paulino
Inserida por thielleluana

Sei la sensação estranha acho que vou me apaixonar

Deyvid Dias
Inserida por DeyvidDias

Se apaixonar
É criar esperanças sem ter alguma
É lembrar sem viver
É viver por nenhuma
Beber enquanto fuma
Beijar sem sofrer
Não esquecer de querer
E querer como nenhuma.

Kevin Martins
Inserida por kevinmartins6

Perdida
Sem rumo
Sozinha
No escuro

Sofrendo na sanidade
procurando por resquícios
de um lar sem maldades
de um lar sem vícios

Encontrada
no fundo do poço
acompanhada
de desgosto

Catavélica
tão anêmica
cética
tão descrêntica

Almejava demasiado
e desmoronava por entre enganos
eram sonhos alucinados
era a felicidade debaixo dos panos

Sem sentir
sem nenhuma razão
querendo desistir
mas ainda não

Thaís Benvenuti
Inserida por BenniBenvenuti

Eu gosto de sentir isso,
Essa coisa pulando aqui dentro do meu peito.
Essa coisa estranha batendo desse jeito.

Borboletas no estômago ficaram para trás,
E esse bicho estranho se remexe muito mais.
Acho que já não dá para voltar atrás.

Braian Thomas
Inserida por BraianThomas

Dedica-me no fim.

E bem no fim
Antes que houvesse tempo de te perceber
Dedica-me a poesia em forma de canção
A mais bela que se pode ler

A tua doce inteligência misturada com sabedoria
Transforma os pantones em quatro cores
Os símbolos decifraveis
Dando adeus a minha antiga melancolia

Tuas roupas sem sentido outrora
Faz olhar-te com admiração
A bela paisagem torna-se comum
Acho que me rendi agora

Jéssica Medeiros
Inserida por JeMedeiros

Quando digo as mulheres, sou um homem sentimental. Elas entendem: Legal, mais um otário para se apaixonar por mim. E eu rebato não se engane até o maior e mais puro amor, pode dar origem ao ódio, pois do amor se advêm também todas as cóleras que afligem os mortais.

Léo Lima Pojuca-BA
Inserida por leolimapojuca

Eu tenho medo de me apaixonar. Medo porque eu sei que vou sentir borboletas no estômago novamente. Medo porque eu sei que vou chorar e você sequer vai ligar.Acho que já está acontecendo. Meu Deus, misericórdia.

Elton R. Bernardes
Inserida por eltonrbernardes

Passarinho....

Nasci e já senti a dor em meu pulmão..
Era a minha primeira vez fora do ventre de minha mãe
E por isso era doloroso sentir o ar entrar em meu peito...
Quando cresci, porém ainda criança, mas consciente de meus desejos e sentimentos aprendi a amar incondicionalmente...
Mas no meu primeiro amor puro e de verdadeiro já fui "traído"...
Pois como diz Freud nossa primeira experiência de amor é com nossa amada mãe que por sinal já pertence a outro...
O primeiro amor "platônico"
Para começar a andar eu cai, me machuquei.... até aprender que deveria respeitar os limites do meu corpo para ter sustentação o suficiente para permanecer de pé, respeite isso, ou caia......
Aprendi as brincadeiras de criança e vivi a inocência do faz de conta.....quem não se lembra da magia dos desenhos da Disney com aquele castelinho animado de vinheta..
Sem deixar de mencionar os super heróis que me ensinavam a ser forte independente da situação...
Fiz amigos, e comecei aprender sobre amizade...
Vi amigos partirem.....amigos que eu gostava..., mas era o que estava designado a mim para que eu aprendesse um pouco mais sobre separação....
Aprendi as letras, aprendi as palavras, aprendi a soletrar, e por fim a escrever , falar, cantar....
Aprendi que logo cedo somos avaliados...
Por nossos semelhantes...
Pelos grupinhos de amigos....
Categorizamos e somos categorizados...
Notas baixas ou altas...
Inteligente ou inapto...
Bonito ou Feio
Gordo ou magro....
Nesse momento nossas relações ficam mais intensas....
E a amizade novamente é um dos primeiros sentimentos que aprendemos...
Aprendemos que amigos são aqueles que não compartilham apenas brincadeiras, mas experiências, momentos, paixões....
Mas como nem tudo são flores, algumas amizades vem e vão, outras vão para nunca mais voltar, ou simplesmente vão pelos contextos muitas vezes impostos pelo tempo...
E mais uma vez aprendemos sobre separação...
Nos apaixonamos, criamos e alimentamos amores platônicos...
Que na maioria das vezes não se concretizam...., e devem ser assim! Essa é o papel deles, pois servem para mostrar que nem tudo que queremos podemos ter, e sofremos para entender isso...
Em meio a este caminho sofremos perdas, perdas irreparáveis e dolorosas impostas pelo tempo e pela ordem natural das coisas, e desta forma somos condicionados a viver com a eminência da perda.......da separação...levando como lição viver intensamente enquanto se tem....
Diante de tantas situações e experiência vamos criando nossa identidade, nossa personalidade, observando lentamente nossas fraquezas e pontos fortes, aprendemos um pouco mais sobre nós mesmos e entendemos um pouco sobre como é linda, porém perigosa e tênue essa jornada chamada vida...
Amigos continuam vindo e indo, e alguns por algum motivo ficando, os amores então nem se fala, uma forma romântica de amizade que se personifica em sensações táteis e cinestésicas, que nos entrega mais otimismo, música e poesia, nos tira a sanidade, principalmente quando não se demonstra no amor, e sim na paixão, sorte daquele que na primeira paixão encontrou o primeiro "amor amigo"...mas geralmente não é assim.., quando é amor não existe separação, pois antes de ser amor é amigo...
E ai aprendemos UM POUCO, sobre cumplicidade e amor..
Continuamos crescendo, evoluindo, progredindo (alguns..) estudando, até que é chegado o momento de sairmos do ninho, e dessa vez somos nós os traidores, pois deixamos nosso primeiro amor, nossa mãe, aquela que no começo de tudo nos traiu, mas que com o tempo aprendeu que o amor que sente por nós é o mais forte que pode existir neste mundo! E sabe o que fazemos? A "Deixamos".....mas "pássaros" devem voar para construir seus próprios ninhos.........note como é uma cadeia de "separações", quantos pássaros não estão voando agora ou almejam voar?
E mais uma vez aprendemos sobre separação, mas também aprendemos sobre amor, afinal a criatura que mais nos ama na face da terra aceita nosso voo..... e porque? Porque é bom pra nós!
É quando aprendemos que amar também envolve se sacrificar...
E que amor não se demonstra em palavras, mas sim em gestos.......
Ai passamos por mudanças, novas pessoas, uma nova cidade, um novo desafio, novas amizades, novos relacionamentos, contas, obrigações, mas na verdade, os desafios são os mesmos, mas com uma complexidade maior, mas a grande questão é: Aprendemos com o laboratório que nos foi proporcionado antes? Em algumas coisas sim, em outras não..., mas neste momento as lutas são mais intensas, pois desejamos construir nosso ninho, muitas vezes sem que saibamos, afinal de que adianta voar, voar, voar e não ter onde se apoiar? As asas precisam de repouso não é mesmo?
Quando entendemos isso um novo ciclo começa, mantemos fortemente as velhas e boas amizades, nos relacionamos pra valer, mas esquecemos de uma de nossas primeiras lições: Levante apenas quando seu corpo tiver sustento! Pois bem meu caro, a diferença é que aqui APENAS você não é o suficiente, andar dependia só de você....construir um ninho PRA DOIS não...
Mas não sabemos disso, e muitas vezes construímos ninhos em galhos secos......outros úmidos ou aparentemente perfeitos, mas ocos, outros sem seiva/vontade, gélidos e traumatizados, frios e que podem ceder...outros por comodidade....
Não faça isso, seu ninho vai cair....imagine então quando tiver algo de mais importante nele...., mas ninhos acabam sendo construídos nestes galhos, e inevitavelmente caem...
Nesse momento se você for inteligente vai aprender sobre a importância da cumplicidade, empatia, VERDADE, respeito, AMIZADE e PRINCIPALMENTE RECIPROCIDADE....
E ai continuamos nossos voos, com altos e baixos, nos deslumbrando com pássaros que voam como nós, nos chocando, nos machucando, e as asas vão cansando e passamos a criar dentro de nós nosso próprio ninho...e passamos a observar..
Nesse momentos aprendemos a nos recolher e entender que um ninho é pra dois, mas que se antes não for pra um, jamais será pra dois...
E quando entendemos isso aprendemos e esperamos que exista sim a possibilidade de separação, possibilidade de decepção, mas entendemos que isso existirá onde não mora a cumplicidade, a reciprocidade, amizade e a incapacidade de construir, onde mora a inércia que não te pertence que não é e nem deve ser sua, pois você sabe quais são os riscos, você aprendeu sobre eles, então novamente você se joga em voos rasantes, astutos e repletos de perspicácia, muitas vezes para mostrar o que aprendeu, outras vezes para motivar voos de outros pássaros, com sorte ao olhar pro lado vai notar um belo pássaro voando ao seu lado, em movimentos sincronizados, sem dor, orgulho ou medo, ele está ali por ser do jeito dele, ou por ter visto o quão bonito e singelo é o seu voo e por isso se jogou também...
E ai vocês passam a voar juntos, ERGUEM o ninho juntos, e o que vai separar vocês? Apenas aquelas perdas irreparáveis e dolorosas impostas pelo tempo e pela ordem natural das coisas.........e como deve ser bonito esse outro passarinho, se eu encontrei ? Acho que ainda não, mas "ele" esta por ai....voando...

Luis Ricardo Teiga Ramalho
Inserida por luisrtr
1 compartilhamento