Poema Concreto a Chuva e o Vento

Cerca de 290 poema Concreto a Chuva e o Vento

Lá vem a chuva, do firmamento.
Rasgando o espaço, seguindo o vento.
Trazendo a paz quando em calmaria,
Ou preocupação, se em demasia.

Mel
Inserida por MelaniaLudwig
1 compartilhamento

Quando vejo a chuva caindo ao meio, ora molhando ora gelando, com um pé de vento que a faz deitar por sobre o chão de barro de uma garagem sozinha longe da casa, me pergunto!
Porque tenho eu que estar aqui? como aconteceu?
Estando só, eu não ficaria parado.
Quando a chuva começou?
Isso é uma fase da colheita do que foi plantado logo passa!

José Marcos Mantovan
Inserida por Monta
1 compartilhamento

Devagar vai chovendo...
Eu imaginando como é o vento.
Devagar a chuva cai, e mesmo que não dure muito tempo...
Vou vivendo tudo isso em um perfeito pensamento.

Marcus Patrick Pens
Inserida por marcuspatrick
1 compartilhamento

O vento em minha solidão me abraçando
Faz com que eu me sinta melhor.
A chuva comigo chorando
Não me deixa sofrer só.
Os pássaros em meu lamento cantando
Ajuda-me a levantar.
A esperança no olhar de uma criança
Motiva-me a lutar.

Rockwell Lima
Inserida por rockwellima
1 compartilhamento

Ser

Sou vento que te despenteia
Sou sol que te sombreia
Sou gotas de chuva que molha tua face
Sou o calor que te esquenta
Sou saudade, silêncio, vontade
Por definição- Sou você
Pois sem você- Não sou EU

Magali Tavares
Inserida por magatavares
1 compartilhamento

Macabéa
A chuva não cai
O vento não venta
O tempo não passa
O sono não chega

Venha antes que eu esqueça
Que sou algo mais do que da vida uma espera
Quando no enterro do que eu fora
Na minha hora, serei eu, enfim, estrela.

Macabéa de La Mancha ( Camila Paula )
Inserida por EuDannyG
1 compartilhamento

Hoje nada mais se move,
apenas voa o vento.
Hoje nada mais chora,
apenas cai a chuva.
Hoje parece que já está
esquecido e morto.
Hoje parece que tudo acabou
numa tragédia trágica que ninguém chorou.
Hoje estão voando os vagalumes
ao redor da lampada à procura da lua.
Hoje estão nadando os peixes
sob a correnteza que os leva e liberta.
Hoje já se tornou uma página,
umas página de um livro,
um livro que todos leram,
e de tanto ler já esqueceram,
sozinho em suas estantes,
estantes da memória.
Por favor, faça-me lembrar,
lembrar de hoje.
Por favor, lembre-me de fazer,
fazer o amanhã como se fosse hoje.

Caio Jvn
Inserida por caiojvn
1 compartilhamento

Belo dia é aquele que acorda cinza...
Ao soprar do vento...
Enquanto a chuva cai...
No gosto do frio...
E nesse ar de melancolia, tudo sempre é inspiração!

Marcus Patrick Pens
Inserida por marcuspatrick
1 compartilhamento

Ao lado do vento caminha a chuva
Dois amigos passeando pela rua
Naquela tarde de inverno
Nesse dia cinzento
Passeia a chuva e o vento

Marcus Patrick Pens
Inserida por marcuspatrick
1 compartilhamento

Ele passou a tarde lendo 'A Sombra do Vento'
E na rua chovia com gosto,
gosto de chuva e cheiro de terra molhada
Ao lado um copo de café, seu camarada
Ele passou a tarde lendo um bom livro
Quem diria...
Seu melhor amigo!

Marcus Patrick Pens
Inserida por marcuspatrick
1 compartilhamento

Hoje eu acordei assim no meio da chuva no meio do frio no meio
Do vento
Deixei minha cama vazia para encarar São Paulo
Passei minha manha sem escuta um canto de um pássaro
Não vir o brilho do sol não senti o aroma da mata
Não vi o desabrochar das flores
Não ouvir o lati dos cachorros
Não ouvir as crianças a brincar

Anoiteceu a lua desceu, mas ela não apareceu por quê?
No meio da chuva são Paulo não deixa a lua dançar
O sol cantar os pássaros assobiar
Os cachorros passear
As crianças brincar
Isso é vida sem luar?

Na minha terra do lado de lá
Os pássaros cantam
O sol se levanta
A lua convida os amigos na praça a senta-se a ela admirar
Os casais a namorar
A serenata tocar

Vou dormi
Quem sabe amanha vou sorrir?
Quem sabe amanha o sol vai brilhar?
Quem sabe os pássaros vão cantar?
Quem sabe as flores vão se abrir?
Quem sabe pela noite a lua me convida
Com ela a senta-me?
Com ela conversar?

Quem sabe?

Tinho
Inserida por Humberto20
1 compartilhamento

"E bem que viu o bem-te-vi
A sabiá sabia já
A lua só olhou pro sol
A chuva abençoou
O vento diz "ele é feliz"
A águia quis saber
Por que, por que, por qual será..."

Natércia Rocha
Inserida por Marvinojuara
1 compartilhamento

Tão calmo como a chuva
Tão leve como o vento
Eu caminho pela rua
Na intensidade do momento
Do outro lado da cidade
Depois do muro
Tem mais alguém a procura de felicidade
Que caminha no escuro

Marcus Patrick P.
Inserida por marcuspatrick
1 compartilhamento

A brisa acaricia-me o rosto..
e percorre o meu corpo!
O vento geme de dor!
A chuva derrama as lágrimas..
de prazer e amor.!
E nós somos dois em um só corpo...
como a brisa,o vento e a chuva....
juntas são a tempestade da paixão!!
somos feitos na dor,no amor e no prazer.!

isabelRibeiroFonseca
1 compartilhamento

Domingo cinzento
Dia nublado
Tarde de chuva
Pela janela passa o vento
E a melancolia mora ao lado

Marcus Patrick Pens
Inserida por marcuspatrick
1 compartilhamento

A chuva desce do céu,
encontra seu amigo para conversar
O vento frio
Quando a lagrima escorre do rosto pergunta ao tempo, porque ele demora tanto pra passar
E preencher esse vazio

Marcus Patrick Pens
Inserida por marcuspatrick
1 compartilhamento

As tristezas deixo o vento levar
E que a chuva da felicidade venha me molhar
E quando a tempestade chegar
Vou pintar um céu com estrelas e com a lua que me faz sonhar
Escurecer o tempo de sofrimento e dor
E clarear meu céu de Amor
Dsenhar o sol a nascer e deixar de paz meu coração aquecer
Esquecer do mundo lá fora, desperdicar horas com o que é bom
Deespertar como a flor
Descansar no teu ninho
Me faz sentir como passarinho
Pra pousar no teu corpo
E que eu seja a tua chuva, a tua lua, o teu sol, o teu céu
Que eu seja da maneira que você me quer.

Joyce Amanajás
Inserida por Joyceamanajas
1 compartilhamento

Chove chove
Que até da pra ouvir
O barulho do vento
E a chuva cair
Chove chove
Já faz algum tempo
E ta na hora
De sonhar e dormir
Chove chove
Há cada momento
A chuva que dança
Do lado de fora
Chove chove
Deixando lembranças
Antes de ir embora

Marcus Patrick Pens
Inserida por marcuspatrick
1 compartilhamento

Quando criança
Tinha medo da chuva
E não temia o vento
Que espalhava os cabelos

E onde morava
Corria de braços abertos
Para poder voar
E voava e voava

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges
1 compartilhamento

Chuva fina que cai, vento frio que vem...
Mas eu estou tão inteira
em minha total alegria
que o cenário que pinto
é de um poema ao sol

Sou eu sorrindo pra vida,
a vida sorrindo pra mim
É minha alma em festa,
que contempla e contempla
a sinfonia vagueante
_ de chuva mais frio _
trepidante e barulhenta,
mas chã, deixando a todo vapor
minha vida alagada
de esperanças e de amanhãs.

Rosemary Chaia
Inserida por Rose05
1 compartilhamento