Ops! O pensamento foi removido e não pode ser encontrado no Pensador.
Veja outros pensamentos do mesmo autor: Pedro Nagel.

Outros pensamentos que podem interessar:

Paciência
Sejamos honesto, o amor é paciente e tambem inconveniente, nos faz rever e pensar na frente mas também nos faz ser jogado para trás, ele é de fases não tem solução para entender, a não ser viver ! Viver desse amor, sem medo dos imprevisto que esse amor nos trás, sem medo das alegrias acabarem com lágrimas.
O amor pode ser encontrado em todos lugares, em bares, festas, igrejas e entre outros lugares, mas o amor precisa de zelo, precisa de conforto para prosseguir, o amor precisa de paciência ou se achar melhor, aja com amor na paciência, coloque no topo o amor em cada coisa feita e passada.
O amor nos trás muitas coisas boas, como a experiência de viver algo mágico e mesmo com anos vivido no amor, o amor é algo inexplicável. Mas esse amor não é só sorrisos temos que ser paciente em relação as dores que ele nos trás, pois quando esse amor não é correspondido, quem sente e seu coração, as lágrimas são gritos que nosso coração clama por esse amor, ou por momentos bons.
Precisamos amar mais, amar mais a vida, amar mais nossos pais, amar nosso espaço e acima de tudo precisamos amar mais a si mesmo.

Pedro Nagel
Inserida por Pedronagel17
1 compartilhamento

Conheci amores, que viam por valores
Conheci paixões, tachadas de enganações
Conheci a lua, através das ruas
Conheci desejo, através de beijos
Mas sobre você, nada rima nada combina, ah não sei dizer, além de sentir, cada toque cada estrofe, te amo e declamo, que nossas noites de Madagascar sejam sem pensar

Pedro Nagel
Inserida por Pedronagel17

Amor
A solução da minha solidão
O espelho dos meus medos
Te encontro entre toques e beijos
Te sinto te toco
Te amo me sufoco
Me desprezo te venero
Não me vejo e te espero
Fico sem chão e me desespero
A amor quando vem
Te imagino aqui sorrindo
Sem medo de viver entre discos e livros
Quando a lua vem
O que me resta e rezar
E esperar o sol
Pra me fazer lembrar

Pedro Nagel
Inserida por Pedronagel17

Hoje cedo
Hoje cedo quando me olhei
Em mim te procurei
Me vi ali com a cara fechada
E com o coração em lágrimas
Te procurei me retirei
Me deitei e te vi ali
Entre pensamentos e reflexões
Nada que se foi
Foi tão grande
Como o que ficou
Tu deixou lembranças
Você levou a paz
O que ficou foi o sentimento
Tatuou em mim seus olhos
Me deixou uma camisa
E alguns dias
Hoje te procuro hoje te venero
Amanhã eu te esqueço
Através de versos.

Pedro Nagel
Inserida por Pedronagel17

Levou
Ela me disse que ia embora
Eu nem dei bola disse vai e não enrola
Ela pegou e foi levou na mala
Alguns livros e meu disco preferido
Deu um dia a saudade nem bateu
Passou uma semana essa saudades me bateu
Te liguei e pedi volta
Trás as coisas e volta pra onde tu mora
Mas já era tarde
Seu coração nunca foi covarde
Deitei, chorei e só pensei em maldade
Te liguei de novo e pedi sem mais volta

Pedro Nagel
Inserida por Pedronagel17