Guilherme Câmara: “UMA COISA É UMA COISA E OUTRA COISA...

“UMA COISA É UMA COISA E OUTRA COISA É OUTRA COISA”
A crise que enfrentamos em nosso município aumenta a apreensão das pessoas e diminui a tolerância geral, quem pouco ligava para os desvios técnicos, financeiros e éticos, fica mais sensível as noticias do suposto abandono, falta de projetos de melhoria continua e desenvolvimento da Nossa Mairinque, pela atual administração Municipal.
Quem acreditou e estava esperando por grandes mudanças, na atual gestão começa a se inquietar e querer cobrar providencias antes que aconteça o pior, quem admirava a habilidade do nosso atual administrador municipal em propor mudanças significativas em relação ao desenvolvimento sócio-econômico da nossa Mairinque, tende a exigir mais sobriedade e sensibilidade, na atual administração da adversidade, a cortejar palavras com mais rigor e reflexão , a fim d conferir há relação entre a realidade vivida em Mairinque e os discursos ufanistas , que não condizem com nossa atual realidade.
A palavra queda na popularidade do nosso atual administrador municipal, já faz parte das conversas informais nos ambientes de trabalho, familiares, sociais e universitários da nossa Mairinque.
Ainda muito mais expressivo que a queda da popularidade e a queda na confiabilidade na atual administração municipal.
Popularidade e confiabilidade são conceitos diferentes “UMA COISA É UMA COISA E OUTRA COISA É OUTRA COISA”
Um administrador político ser popular não necessariamente guarda relação com seus reais atributos de governante. Este personagem preponderante esta nas noticias dos jornais locais e regionais, páginas, sites, blogs e redes sociais relacionados ao seu discurso, Político e justificativas, pousando de um belo sorriso em suas fotos de manchetes, todos os dias e a todos os instantes defendendo suas aparentes conquistas.
A popularidade se ganha com relativa facilidade, basta saber manejar com certo toque de malicia e competência, circunstâncias, emoções características culturais e sociais, e carência da população.
Confiabilidade já é outra coisa é prima irmã da credibilidade e uma vez perdida dificilmente é retomada.
Principalmente quando se trata de promessas, projetos, planos e objetivos discursados em campanha, que iludem a população que se encontra carente e sedenta por mudanças, significativas, e estas não são cumpridas e nem se consegue manter os serviços básicos que atingem a maioria dos cidadãos Mairinquenses no seu dia a dia , deixando-os frustrados em suas expectativas de atingirem uma Mairinque Realmente Melhor.
Fica a dica:
SE UMA ADMINISTRAÇÃO NÃO É CONFIAVEL A DESCONFIANÇA TENDE A CONTAMINAR A SUA PRÓXIMA CANDIDATURA

1 compartilhamento
Inserida por guilhermecjr