Loyhan F. Torres: A âncora do meu navio ficou presa Tanto...

A âncora do meu navio ficou presa
Tanto quanto eu fiquei preso em ti
Agora não mais te tiro da cabeça
O que faço para não mais pensar assim?

Eu não gosto de ter tais pensamentos
Não por que seja algo ruim
Mas porque para mim é incomum
Incomum ter tais sentimentos...

Eu fui para a praia, procurei alguma ajuda
Vi vários aviões, navios, gaivotas
As gaivotas me ajudaram muito nisso
A solidão foi dispersada, tive um novo compromisso.

O meu compromisso era achar um modo de tirar a âncora
Mas como se eu não achei nem meu próprio navio?
A duvida me permeia como uma santa
Que me ajuda na hora do brio.

Meu brio já foi devastado. O que mais falta me tirar?
Onde está esse navio que eu não consigo achar?
Onde está essa âncora para que eu possa retirar?
Será que é melhor vagar como a brisa do mar?

Enfim, achei o navio, mas a âncora não estava lá
Fiquei tão alegre que comecei a chorar
Meu coração era o navio, a âncora era um ser
Eu ganhei meu coração, finalmente esqueci você.

1 compartilhamento
Inserida por SasurikiDLL