Julio Aukay: Já não sou tão criança para não...

Já não sou tão criança para não entender que não devo repetir as minhas palavras na insistência de querer seu coração sem poder;
Minha combustão não depende do querer alheio, mas sim do aceitar de um coração sincero que precise de um carinho verdadeiro;
Me mostre o paraíso com o seu enxergar sem o piscar para nunca cortar o nosso filme tão belo e pleno;

1 compartilhamento
Inserida por JULIOAUKAY