Romancista clássica mais famosa do mundo, Jane Austen nasceu em 1775 na Inglaterra. Teve oito irmãos, seis deles homens e uma mulher: Cassandra, com quem trocou milhares de cartas (muitas mesmo!) o que possibilitou a biógrafos e outros curiosos da vida da autora saberem mais da sua trajetória. 

Publicou seis livros, que geraram diversas adaptações para o cinema, televisão, teatro e outras mídias. No Brasil, as adaptações mais famosa para o cinema foram Orgulho e Preconceito (2005), Amor e Inocência (2007) e Razão e Sensibilidade (1995).

Selecionamos algumas curiosidades que você precisa saber sobre essa mulher que é considerada à frente de sua época.

1. Escreveu as mais lindas histórias de amor, mas nunca se casou

Nunca se casou, apesar de ter sido pedida em casamento uma vez pelo primo de uma amiga, quando tinha 22 anos. Ela aceitou, logo depois se arrependeu e declinou a proposta. Ao que parece se apaixonou duas vezes, um sendo um romance de verão com um homem que morreu de repente antes que pudessem se encontrar de novo; e outro com Thomas Lefroy, paixão que foi retratada no filme Amor e Inocência, estrelado por Anne Hathaway e James McAvoy.

curiosidades Jane Austen

Há poucas pessoas que eu ame de verdade, e menos pessoas ainda de que eu tenha boa opinião. Quanto mais conheço o mundo, mais me sinto insatisfeita com ele; e a cada dia se confirma minha crença na incoerência de toda personalidade humana, e na pouca confiança que podemos depositar na aparência de mérito ou razão.

Jane Austen

2. Sua família era super tradicional

Seu pai era um reverendo muito cristão. A mãe tinha uma posição social mais alta que o marido, mas não se importou em “descer” na escala social para viver com ele.

Os irmãos podiam estudar matemática e outros campos de conhecimento (inclusive na escola fundada pelo próprio pai, destinada a homens, somente), mas as meninas eram destinadas a aprender habilidades mais domésticas ou “boas para ser esposa”, como costurar e tocar piano.

curiosidades Jane Austen

Quando os prazeres daqueles que amamos estão em jogo, às vezes a sua gentileza sobrepõe-se ao seu julgamento.

Jane Austen

3. Escreveu o seu primeiro livro antes dos 20 anos de idade

Ela começou a escrever com doze anos de idade, paródias de livros de história e peças de teatro que eram interpretadas pela família. Mas o seu primeiro romance foi escrito aos dezenove anos, chamado Lady Susan, publicado apenas quatorze anos depois como Abadia de Northanger.

Um editor local comprou o manuscrito de Jane, mas “deixou na gaveta” todo esse tempo, até que outro editor interessou-se pela escrita da autora e resolveu publicar.

curiosidades Jane Austen

A pessoa que não sente prazer com um bom romance, seja cavalheiro ou dama, só pode ser intoleravelmente estúpida.

Jane Austen

4. Aproveitou apenas seis anos de “fama”

Apesar de escrever desde criança, Jane aproveitou por poucos anos o seu status de escritora oficial. Começou a ter algum retorno financeiro de seu trabalho em 1811 com o sucesso de Razão e Sensibilidade (publicado anonimamente com o pseudônimo “Lady”) e faleceu logo em 1817, quando tinha apenas 41 anos de idade.

curiosidades Jane Austen

Conheça sua própria felicidade, só precisa de paciência... Ou dê-lhe um nome mais fascinante, chame-a de esperança.

Jane Austen

5. Usou pela primeira vez palavras hoje reconhecidas pelo dicionário de Oxford

O dicionário de Oxford reconhece mais de 40 palavras que foram escritas pela primeira vez por Jane Austen. Isso não significa que ela as inventou, mas que foi a primeira pessoa (até agora descoberta) em cujos escritos a palavra foi registrada. Entre elas estão: in-between (intermediária), spoilt (mimada, como adjetivo) e sympahtizer (simpatizantes).

curiosidades Jane Austen

Existem tantas formas de amor como momentos no tempo.

Jane Austen

6. Não há nenhuma menção em sua lápide de que ela era uma escritora

Tão famosa e celebrada no mundo inteiro atualmente, não há nenhuma menção à sua profissão como escritora na lápide de Jane na Catedral de Winchester. A família achou que não valeria a pena.

Em meados do século XIX quando a autora já era muito famosa, as pessoas iam à catedral e procuravam por seu túmulo. Um dos homens que ajudava na organização da igreja ficou intrigado com a procura e chegou a perguntar “o que há de especial sobre essa senhora?”

jane austen curiosidades

Vaidade e orgulho são coisas diferentes, embora as palavras sejam frequentemente usadas como sinônimos. O orgulho diz respeito mais à opinião que temos de nós próprios, enquanto a vaidade ao que pretendemos que os outros pensem de nós.

Jane Austen

7. Ela tinha muito orgulho da sua própria escrita

Pelas cartas que trocava com sua irmã, Cassandra, e outros membros da família, deu para perceber que a jovem escritora estava orgulhosa e feliz com o seu trabalho. Ela discutia pontos, compartilhava notícias sobre o andamento dos romances e oferecia conselhos para outros autores aspirantes da família. Também ficava feliz em receber críticas e referiu-se a sua obra mais conhecida, Orgulho e Preconceito, como sendo “sua filha querida”.

curiosidades Jane Austen

Não tenho medo de mostrar meus sentimentos e de fazer coisas imprudentes, pois acredito que o que não se mostra, não se sente.

Jane Austen

8. Ela não era apenas uma mulher do campo

Apesar de ter nascido em uma pequena aldeia rural e vivido lá por vinte e cinco anos, Jane levou uma vida muito ativa com viagens e contatos sociais de vários tipos.

Visitava sempre o seu irmão Henry em Londres, onde mantinha uma rotina cultural agitada, indo a peças de teatro, exposições, etc. Um de seus irmãos, Edward, foi adotado por primos ricos, o que permitiu à autora conviver com seus amigos elegantes e ricos e desfrutar da vida privilegiada da nobreza rural (bem retratada em seus romances).

curiosidades Jane Austen

Muitas vezes perdemos a possibilidade de felicidade de tanto nos prepararmos para recebê-la.
Por que então não agarrá-la toda de uma vez?

Jane Austen

9. Os homens também gostavam muito de ler Jane Austen

Os livros de Jane não são apenas romance e “melodrama” como podem parecer. Os personagens verossímeis, realistas, sua escrita inteligente e, às vezes, até irônica e engraçada também atrai muitos homens para a literatura clássica.

Sir Walter Scott, considerado o precursor do gênero literário de romance histórico, disse em seu diário que a autora tinha “um talento para descrever os envolvimentos, sentimentos e personagens da vida cotidiana, que para mim é a mais maravilhosa que já conheci”.

curiosidades Jane Austen

Não quero que as pessoas sejam muito gentis; pois tal poupa-me o trabalho de gostar muito delas.

Jane Austen

10. Ela vendeu cerca de R$ 200 mil reais em livros

Alguns dos biógrafos estimam a receita da venda de livros de Jane em 600 libras da época, o que seriam mais ou menos R$ 212 mil reais atuais. Parece pouco, né?

Antes de falecer, Jane citou apenas três pessoas em seu testamento: a irmã e confidente Cassandra, o irmão Henry, e Madame Bigeon - secretária e cozinheira da falecida esposa de Henry (pessoa estranha que ninguém sabe porquê a autora considerou tanto).

curiosidades Jane Austen

Amor é desejável. Dinheiro absolutamente indispensável.

Jane Austen