Coleção pessoal de claudiaperotti

61 - 80 do total de 148 pensamentos na coleção de claudiaperotti

Nada fica inteiro
.
.
.
quando, secretamente,
um mar envolto em saudade
deságua em prantos soluçantes
.
.
.
são lágrimas silentes,
embustes do sentir,
oprimido instante,
.
.
.
tempestade!

Claudia Perotti
1 compartilhamento

E foi assim...
Parti-me em bocados. Rompi-me em sentires e lamentos e um turbilhão de sensações levou os fragmentos.
Desfiz-me!

Um dia...
Recolhi-me no firmamento. Em meio à bruma tempestade, uni-me em raios, cores e sentimento, mas escorregou-me das mãos um pedacinho e o mar o levou.
Perdi-me!

Em tempo...
Essa pequena porção manuseia minha alma por dentro...
Então se alguém, por ventura, achar o meu coração em qualquer onda, em qualquer oceano, entre em contato, pois preciso findar meu encanto.
Apelo!

Claudia Perotti
1 compartilhamento

Arrastam-se as horas
e os versos escorrem
por entre os ponteiros...

O tempo é liquido
explode como ondas
marcando seu compasso

É feito um mar
de desejos
.
.
.
de chuva
.
.
.
de estrelas
.
.
.
de poesia
.
.
.

Claudia Perotti
1 compartilhamento

Ahhhh vontade
que materializada em delícias
insiste em ficar pendurada
na lembrança.

E cada vez que
meus olhos se fecham
sinto a tua sombra
envolver os meus sentidos
.
.
.

Claudia Perotti
1 compartilhamento

Entre nós há um cristal delicado.
Por mais nitidamente que eu te assista, eu não te posso tocar.
A distância diminuta entre nossos olhos é implacável!
Do lado de cá derrama tempestade e os sonhos sufocam um a um.
Do teu lado, se arrastam com o vento e se esvaem na névoa que te enleia...
Aqui, toda a gente passa sem roçar por mim. Tenho só ar à minha volta. E estou só.
Por aí não é diferente, segue desamparado, sem rumo, sem coisa nenhuma...
Seguimos pertencendo não ao que está próximo, mas àquele que está do outro lado do vidro... E nessa jornada contemplativa, entregamo-nos às ilusões...
Vivemos sendo outros. Sofrendo as aspirações. Debruçados numa fantasia perpétua...
Há momentos em que tudo cansa...
Então fechamos os doridos véus, erguemos nossas cabeças e voltamo-nos, mais uma vez, para o lado de dentro de nossas vidas.
Entretanto, isso não dura muito...

Claudia Perotti
1 compartilhamento

Não há planos, nem mistérios há somente amor...

Claudia Perotti
1 compartilhamento
Tags: planos mistérios

Num prenúncio de luar
cobri-me de estrelas
só para enfeitar teu céu...

Constelada,
de olhos prateados de luz
ateei ao longe
uma cobiça
cintilante
por ti
.
.
.

Claudia Perotti
1 compartilhamento
Tags: cincitlante longe

Ah! Quantas vezes nos deixamos desanimar sem ao menos tentar...

Pensando nisso desejo:

Sensatez nas escolhas,
Brandura nos passos,
Persistência na caminhada para evolução,
Paciência e fé nas ambigüidades,
Mansuetude nas vicissitudes,
Misericórdia se pensarmos em desistir da trajetória,
Força no levantar quando fraquejarmos diante das tormentas,
Humildade em aceitar o apoio daqueles que nos oferecem suas mãos,
E principalmente, dedicação e devotamento à vontade do PAI.

Sejam todos abençoados e aconchegados no amor do fecundo de Deus!

Claudia Perotti
1 compartilhamento
Tags: humildade aceitação

Há sabedoria e aprendizado
em todas as coisas no Universo;
em cada olhar, sorriso ou expiação;
nas criaturas que partilham conosco a existência;
nas lufadas de amor ou ódio;
na precipitação das águas dos olhos que caem saturando o solo íntimo de compaixão;
no alívio quando laureia a fronte nossa com um azul profundo nos assegurando de que Ele existe e está conosco;
na luz fulgurante de cada estrela-guia, que com desvelo e paciência, nos acompanha os passos nessa vivência;
no prateado lunar de esperança, que recupera-nos, após a letargia da noite, os sentimentos, dando-nos força e preparo, nos deixando aptos para encarar o que vem a seguir;
no arrependimento que suplica por perdão;
nas mãos estendidas e naquelas que se negam também;
em todas as manhãs que anunciam a chance de elevarmos, novamente, os olhos, ao Senhor de todas as coisas!

Claudia Perotti
1 compartilhamento
Tags: arrependimento luta

Senhor,

Dai-me inteligência para não me perder em minhas próprias palavras.
Dai-me coragem para combater o mal que habita em mim.
Faz brotar a fé latente em meu âmago.
E abençoa-me com a Sua luz,
com o Seu amor
para que me sinta
inteira em Ti!

Claudia Perotti
1 compartilhamento
Tags: coragem combate

Adiante mil caminhos surgem, mas não esqueça a estrada que te é própria e segue sem medo. Veste a coragem do Cristo e abraça a via da evolução. Faça da tua fé a sublime luz que iluminará os teus amados. Mas quando o desânimo te abarcar, eleva os teus olhos ao Pai e contemple as bênçãos que cairão sobre ti. Ame o teu próximo! Sirva os teus irmãos! Ajude aquele que, em soluços, suplicar por ti! Perdoe infinitamente! Seja feliz!

Claudia Perotti
1 compartilhamento

As emoções são as cores da alma. São espetaculares e incríveis. Quando não sentimos, o mundo fica opaco e sem cor. A maioria de nós tem suas próprias tristezas, sonhos partidos e corações feridos, cada um viveu perdas únicas. E todas as nossas “grandes” tristezas reduzem a gama de cores, em nossa vida, para matizes monótonos, cinza e pretos. Por esse motivo, devemos praticar o perdão. Perdoar não significa esquecer, significa soltar a garganta da outra pessoa, entregando-a ao amor do PAI. O perdão existe em primeiro lugar para nós que perdoamos, pois nos liberta de algo que vai destruir-nos, que vai acabar com nossa alegria e nossa capacidade de amar integral e abertamente. Todas as vezes que perdoamos o universo muda. Cada vez que estendemos a mão e tocamos um coração ou uma vida, o mundo se transforma. A cada gentileza praticada e serviço ao próximo, visto ou não visto, nossos propósitos são realizados e nada mais será igual e uma árvore de vida crescerá em cada nós! O universo já está repleto de lágrimas e lamentações e agindo assim, com sabedoria, nos livraremos das dores e nos aproximaremos do amor, transformaremos o que é escuridão em luz e coloriremos, novamente, a nossa existência inteira de emoções e sentimentos singulares.

Adaptação Trecho Livro "A cabana" por Claudia Perotti
1 compartilhamento
Tags: gentileza cores

Sou um limiar simples de emoção.

Claudia Perotti
1 compartilhamento

Um chamado
Uma vontade
E meu universo é tocado!

Claudia Perotti
1 compartilhamento
Tags: chamado vontade

Eu pensei que me liquefazer no azul do seu mar fosse o suficiente para estar comigo. Enganei-me!

Claudia Perotti
1 compartilhamento

Tudo que sinto verte de forma incontrolável.
A esse exagero entrego-me sem resistir.

Claudia Perotti
1 compartilhamento

Por dentro tudo berra, principalmente nos dias que não há nada para se dizer.

Claudia Perotti
1 compartilhamento

Uma ventania arranca-me os pensamentos.

Claudia Perotti
1 compartilhamento

Úmidos olhos que não param de marejar.

Claudia Perotti
1 compartilhamento

Seus azuis espreitam meus pensamentos.

Claudia Perotti
1 compartilhamento