Hisley Prisley

1 - 25 do total de 122 pensamentos de Hisley Prisley

As vezes nós sentimos como sendo um objeto de opiniões, objeções, idealizações, aversões, de outrem. Com objectivo
de nos moldarem a sua maneira, seus gostos e desgostos.
Todo isso, só para se sentirem mais felizes.

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Você pode até me achar um mala...
Mas... Eu não resisto a essa sua fragrância.
A essa sua fala macia.
Que só de ouvir dá me aquele calafrio
Levá me ao delírio.

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Encontrei a minha Michelle Obama
A minha Wine Mandela
A minha primeira dama
A minha floribella
Aquela que deixa meu coração em chamas
Que minha alma acalma
A minha esmeralda
Aquela mina prendada
Dos contos de fada

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Eu sobrevivi a todos esses motins,
nunca fui um nefilim,
mas minha força é maior que qualquer sayajin.
Por isso, não me venha com contos utópicos,
querer dar uma de filantrópico,
falar me de a ladins,quando tenho como enemies,
um monte de querubins.

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Mãe objeto de meu pensamento
meu fraguante unguento
aqui é o seu rebento
que vem por meio desse poema
trazer atoná toda sua proeza.
Mãe foste sempre tão capaz
que invalidavas qualquer capataz
tão coesa, dona duma nobreza, digna
de uma princesa.
Mãe sempre soube que as tuas rezas,
foram a rasão da minha firmeza.
Mãe o meu amor ti é uma certeza
sempre serás a minha Monalisa
portadora duma beleza
inigualável, comparável
a Veneza, digna de uma alteza.

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Vejo-te como nunca a vi
olho-te como sempre quisera que fosses
assim o é, não porque, queres ou preferes
mais porque, a perspetivei, a mentalizei
desse jeito, porque a procurei olhar,
não com olhos de realismo,
mais de fanatismo
com extremo e cego fascínio
transforme-ia num ser inexistente, existente
o foco está em mi, não em ti
fui eu que cometi
tu estás a ser simplesmente tu mesma
estás a ser natural e nada mais do que isso
e eu a agradeço por esse seu ato de heroísmo

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Ó Deus!
a vida fez de mim um ateu
nunca estive no apogeu
mais graças a Deus
nunca quis nada seu
mais ainda assim você correu
porque o seu limiar era o céu
e como não eras meu
deixe-ia no liceu
para libertá-la do seu
tenebroso véu
você pra mim virou museu
já deu
esnobou
perdeu

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Eu queria escrever,
quem sabe com isso, conseguiria
me fazer perceber
eu queria poder te querer
como os políticos almejam o poder
eu queria ser o humor
talvez com isso, as pessoas
sorrissem mais e sentissem menos rancor
eu queria amá-la
sem pudor
sem ter que parecer um galanteador
eu queria amá-la
como ama a imensidão do amor
o que, queres que lhe diga?
se o que sei, é que a amo
mais do que qualquer mucambo
que ganhou alforria
do seu generoso amo

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Eu sempre fui apologista
da naturalidade
nunca ralhava da casualidade
sempre me abdiquei
das formalidades
pois não faziam parte da minha personalidade
mais como tudo
ela nunca foi minha propriedade
ou parte da minha hereditariedade
por isso é que fiquei nesta precariedade
vivo desta porcariada
e logo eu que quase a transformei
numa deidade, numa divindade
só para descobrir que seu amor era
uma raridade, uma ambiguidade
uma antiguidade
sem muita utilidade e qualidade

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Poemas
meus temas
meus dilemas
meus fonemas
meus problemas
neste sistema

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

É impressionante como nada se parece,como antes
Como na vida as coisas gritantes são as mais abundantes
Como apesar do sofrimento inato
ainda assim tudo da pro torto
Como apesar dos esforços
ainda assim tudo vai pro poço
Como apesar do variadissimos cuidados
nos tornamos coitados
Como apesar da variedade de orientações
somos uns crônicos nômadas
Como na vida todo se nos é
proibido
e nada se nos é concedido

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Os dúbios e os vazios que me perdoem mais
inteligencia é essencial

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

God forgive me but am plan to die
nothing change in this miserable life
everthing goes wast
am tired of beeng alive
people always say u need to be brave
but how if am in jail?
how if this life make me slave?
but how if any faith in all
can put me away of been human being?

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

O mundo é uma mafia
e apesar de todos se sentirem autônomos
só a um patrono
a qual todas as outras presidências
devem clemencia

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

A ignorância das massas
alimenta as governanças
é por causa disso que a paz
nos é tao esquiva
tão subversiva
porque armazenamos mais
armas de destruição em massa
do que do a criação de olivas

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Esteja vivo enquanto viver
nunca pereça antes do amanhecer

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Futuro
o meu se parece mais com um muro
inseguro
mais enquanto haver vida e esperança
eu irei continuar a dar no duro
para tentar não melhorar
mais equilibrar o futuro
até o momento estou no escuro
mais Deus é meu escudo
meu mundo
apesar de confuso
vou continuar neste mesmo percurso
pois apesar de nele haver muitos intrusos
é nele onde encontro refugio

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

São 23 anos anões
sempre por detrás de fechados
e inquebrantáveis portões
de lutas aflitivas
quase definitivas e incisivas
de ações emotivas e impulsivas
efetivadas por tentações
de inacabáveis construções e projeções
de historias e dramas sem conclusões
de idealizações
que não passaram de pretensões
sim de intensões
de montões de confusões
de pagamento de pensões
por causa das constantes contusões

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

3 de março de 2010
dia e mês memorável
porque ela se faz sentir de duas formas distintas
tanto pelas coisas tristes
como marcantes e tremendamente reconfortante
pelo grau de felicidade e bem estar por ele proporcionado
por isto eu a mudarei de março para mara
e de março para marco,começo
ou seja black and white

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Pra que viver de sobrados
se ainda não estou confinado
pra que lutar com ardor
se a dor já saiu vencedor
porque esperar por um amor
quando a solidão é o nosso promotor
não peço muito
não quero muito
apenas espero ter forças para continuar
a ir nas reuniões
e de vez em quado sair no campo
pois estes são a minha vida
são o meu eu
sim meu esplendor
sem eles não sei,ser eu
torno me nada
apesar das coisas e os caminhos
parecerem turvos e cheios de curvas
espero continuar na senda da luz
que brilha mais e mais
e clareia dia a dia

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Já não há sentimentos
perdi o contentamento
despercebi momentos
na vida estou no convento
vivo para o vento
penso no momento
mais nunca no tempo
por causa do tormento do momento
tornei me num monumento
onde suas obras e utensílios
estão cobertos de dores e sarilhos
onde a decoração
dá grande vasão a asombração

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Fui pego no medo da armadilha do desamor
talvez porque por muito tempo
pensei que fosse o capitão mor
que o amor não passava de uma flor
que todas as rosas fossem cheirosas
que essa dita coisa sublime
nunca iria falir-me
sempre estaria ali para me redimir
ó God!que horror! como pude ser tão utópico?

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

Já não se fazem beldades
como a que eu conheci está tarde
beldades detentoras duma descrição
e sobriedade inigualável
mui desejável
beldades que por si só
são uma celebridade
que seus bons modos não
tem prazo de validade
beldades com propriedade
que com sua doce existência
fazem ainda me crer
apesar de raro
em preciosidades
muito mais do que
as ditas deidades
da antiguidade

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

os meus poemas
são uma confissão
das minhas emoções
eles as vezes soam uma canção
aquele gostoso refrão
as vezes soam um tom de lamentação
simbolo das minhas consternação
as vezes me bajulo
as vezes me anulo
as vezes me vanglorio
sento no pódio
as vezes choro
me deploro
deixo escapar
os meus medos
os meus desafetos
me declamo
me aclamo
falo de quem amo
e por quem
meus sentimentos calo
deixo no ralo
jogo pro lago

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley

pra mim vocês são todos iguais
todos farinha do mesmo saco
que se escondem no mesmo buraco
são todos atores racionais
passionais, dessa ignominiosa
vergonha nacional
acham se demais
seres super fraternais
fenomenais
que entendem, e amam
mais que os demais
mais tudo isso não
passa de uma ficção
de mais uma manipulação
para esconder o que
vocês realmente são
cambadas de racistas
e sodomitas
que ainda carregam
o miticismo do nazismo

Hisley Prisley
Inserida por Hisleyprisley