Adriano Z Chamoun

Cerca de 3330 frases e pensamentos: Adriano Z Chamoun

Não me olhe tanto assim,você pode me ganhar e me fazer me perder no brilho do teus olhos,e depois? Eu sofro.

Não preciso de você pra existir,não preciso de você pra amar novamente,só preciso de alguem que me dê a mão e me pergunte se estou bem.

Hoje acordei e pensei que mascara eu vou vestir hoje.

Algumas decisões nos aproximam definitivamente das pessoas... algumas outras nos afastam para sempre delas.

Minha insônia se chama pensamentos.

O problema dos dias de hoje é que as pessoas são tão mal educadas, que acabam confundindo gentileza com simpatia ou, pior, interesse.

A Vida sem ida é apenas um V vazio sem volta.

"Não me importo se não estiver ao lado e nem tampouco olhos nos olhos. Importa-me que esteja sempre... dentro do coração! "

SAI DA JANELA MICAL!

A maioria de nós cristãos conhece a história de Davi dançando perante o Senhor (2 Samuel 6:11-23). A ocasião era de festa: a Arca do Senhor estava voltando para Jerusalém. O Rei Davi estava exultante, e “dançava com todas as suas forças diante do Senhor” (v. 14), externando sua adoração a Deus sem se preocupar com o que os outros estariam pensando dele. Sua esposa, Mical, o “desprezou no seu coração” e o criticou severamente por dançar daquela maneira diante do povo (vs. 16 e 20).

Mas porquê ela criticou o gesto de Davi? Porque ela não entendeu?

Se voltarmos um pouco no tempo, veremos que Mical não era exatamente o que se possa chamar de má pessoa – apesar de ser filha de Saul, que reinou antes de Davi. A Bíblia fala que ela amava Davi. Sabedor disso, o então Rei Saul tentou usar a própria filha como laço contra Davi (1Samuel 18:20-21).

Entretanto o plano de Saul foi frustrado pela fidelidade de Mical a Davi. Na seqüência da história, vemos que ela ajudou Davi a fugir de Saul quando este o perseguia, enganando o próprio pai (1Samuel 19:11-17).

Por que então esta mulher, que um dia compreendeu e participou do plano de Deus para preservar a vida de Davi, agiu de maneira tão severa quando agora, anos mais tarde, o Rei simplesmente adorava ao Senhor com alegria?

Poderíamos dizer que ela não compreendeu a motivação de Davi; ou que ela se preocupou mais com a imagem do Rei Davi do que com o momento espiritual da nação; ou ainda que teve ciúmes das servas. Tudo isto estaria correto... mas já lhe ocorreu que tamanha incompreensão poderia estar calçada em algo mais profundo e pré-existente na vida desta mulher?

A INFLUÊNCIA DOS TRAUMAS

Depois da fuga de Davi, Mical foi dada como esposa a outro homem pelo seu pai, Saul (1Samuel 25:44). Anos depois, após a morte de Saul e já como rei, Davi exigiu-a novamente como esposa (2Samuel 3:13).

Por esta e outras razões, podemos saber que Mical era uma pessoa que carregava profundas feridas. Ela fora usada como “isca” pelo pai contra Davi. Viu este homem arriscar a vida para atender a um capricho de Saul que era a exigência para o casamento, o qual foi chamado de “dote” (1Samuel 18:25). Viu o homem que ela amava tendo que fugir do próprio sogro para não morrer. Foi dada pelo pai a outro homem como esposa, sendo já casada. Anos depois, quando talvez ela já estivesse “acostumada” com a situação, Davi se torna Rei e a traz de volta. A Bíblia nos conta que o seu então marido, Paltiel, veio chorando atrás dela quando ela foi tomada para ser “devolvida” para Davi (2 Samuel 3:15-16).

Quanta carga emocional! Como se não bastasse, ela não podia ter filhos, o que era considerado como uma desonra pela sociedade de então. Principalmente em se tratando da esposa de um monarca, que precisaria necessariamente de um herdeiro para ocupar o trono.

Mical permitiu que seus traumas não resolvidos trouxessem cegueira espiritual. E por causa disso, ela não pôde compreender o significado do ato de adoração de Davi.Eu quero lhe fazer uma pergunta:Será que você meu irmão ou minha irmã,tem deixado seus traumas do passado,interferirem na sua vida atual?Será que o fantasma da traição ou de ter sido abandonado no passado,não está influindo negativamente no seu comportamento ou momento atual?Será que você não está passando dos limites?A pessoa amada ou o seu companheiro(a) não é culpado pelos seus traumas.Aprenda que o que passou,passou e o passado ficou para trás.Trate de construir seu caminho rumo ao futuro sem precisar de desenterrar defuntos ou viver como um louco ou louca ao prantos,gritos e baixarias.Se você afirma que não conseguiu esquecer as coisas que lhe machucaram no passado,o sangue de Jesus Cristo não lhe banhou ainda.Você precisa de um encontro verdadeiro com Deus.Você precisa se apropriar da sua condição de "justo",ou seja:Aquele ou aquela que nasceu de novo!

A POSIÇÃO ERRADA

Os nossos traumas emocionais não tratados e/ou mal resolvidos podem nos trazer cegueira espiritual. E tudo isso sempre nos leva para a posição errada, um lugar diferente daquele que o Senhor nos quer. O povo inteiro estava em festa, e Mical estava “olhando pela janela” (v. 16). Ela somente foi ao encontro de Davi quando a celebração havia acabado, e o povo, ido embora (v. 20). E mesmo assim, foi para criticar.

Mical assumiu a posição de espectadora. Da janela, observava o povo se alegrando e adorando ao Senhor, ao invés de se juntar a eles. Estava assistindo a alegria e adoração dos outros, e não fazia questão de participar. Esta postura abriu portas pra um espírito crítico;e sendo assim,satanás entrou em ação pondo no coração de Mical o CIÚME.Um detalhe:Se você sofre deste mal,trate de se dar valor e aprenda que aquele que deixa habitar dentro do seu coração esta obra da carne chamada "ciúme";não vai morar no céu,embora seja cristão fiel.Leia atentamente: "Ora, as obras da carne são manifestas, as quais são: a prostituição, a impureza, a lascívia,
a idolatria, a feitiçaria, as inimizades, as contendas, os CIÚMES, as iras, as facções, as dissensões, os partidos,
as invejas, as bebedices, as orgias, e coisas semelhantes a estas, contra as quais vos previno, como já antes vos preveni, que os que tais coisas praticam não herdarão o reino de Deus".

E por trás disso, como já vimos, estava uma vida marcada por sofrimento, desilusão e expectativas frustradas.

CONCLUSÃO

Talvez você já tenha visto ou conhecido pessoas que assumem a posição de “espectadores” em algumas situações, até mesmo durante momentos de adoração ao Senhor. Não as julgue. Existe algo além das aparências. Existe uma vida que carrega marcas,uma vida que precisa se libertar das astutas ciladas do diabo.

Precisamos desenvolver um espírito misericordioso em relação aos outros.Devemos olhar para nossas próprias vidas. Como temos cuidado de nossos traumas emocionais? Temos dado lugar a um espírito crítico? Temos tido uma vida infrutífera? Temos sido espectadores da adoração alheia? Adore aquele que é digno de toda a Glória,Jesus Cristo;e ELE vai fazer por você, o que você não pode fazer.Adore ao Senhor Jesus Cristo,e ELE vai falar com quem você não pode falar.Adore a Deus,e se esqueça do passado!

Ainda há tempo para tratar pecados, se arrepender, pedir perdão e perdoar. Ainda há tempo para buscar a libertação espiritual para nossos traumas. Ainda há tempo para receber o bálsamo que só o Senhor pode dar.

E ainda há tempo para sair da janela. A porta é logo ali. É só ir para fora, se juntar ao povo... e começar a dançar.Sai da Janela Mical!

⁠⁠⁠A humanidade está presa a dois extremos, as tradições mortas ou as libertinagem dos desejos, para escaparmos dessas racionalidades extremas de muletas prontas, para o comodismo das dependências viciantes terrenas, temos que criar o verdadeiro movimento das vontades, exercitando as faculdades espirituais, caminhando com as próprias idéias , buscando a verdade do desenvolvimento das coisas, se desenvolvendo interiormente, sem as correrias externas que nos consomem, as motivações perturbadoras baseadas em uma vida louca, com as efêmeras distrações que de fato, apenas estrangulam as respostas mais procuradas na vida. Estejam vigilantes, empenhados com o tempo dedicado à si mesmo, procurando as respostas mais sensatas, equilibrando se em uma corda banda, sem cair à submissão de nada, às influências de livros de vivências prontos de outros, pratique a suas ideologias com a verdadeira liberdade de corpo e alma, com o movimento interior, não caindo nas armadilhas do próprio ego, se acorrentando as liberdades da escravidão a matéria, perdendo se no meio dessa correria parada. Matando se da sede dos frascos nos desejos , exorcizando seu espírito, entregando se todos os possíveis obstáculos criados, à nos distrair, com às tradições fracassadas de cadáveres, aliciados por todos os tipos de libertinagem depravadas, à nos persuadir.

⁠Um dia na solidão do meu mundo o sol nasceu mais brilhante de que todos os dias, iluminou um caminho que me guiou até onde te encontrei, um ser tão brilhante que ofuscava o próprio sol, mas não durou, o brilho não resistiu à escuridão da noite, que veio e a tirou de mim.

"O sábio não discute com o tolo pela seguinte razão: o tolo não entende o que o sábio diz, e o sábio não fala a língua dos tolos."

"O Kyokushin não é Karatê, não é um esporte, não é arte marcial, não é luta e nem é um jogo. Muito menos filosofia de vida como dizem. Kyokushin é tudo isso junto".

"Mas. Oyama o criador do Kyokushin Karatê não queria ensinar uma arte marcial, longe disso. Queria ensinar como se superar".

Um kata é apenas um kata. Não serve pra nada. Mas, um kata bem aprendido é uma mente dominada.

Vinicius de moraes nos deixou uma frase em um de seus sonetos:
"Uma mulher tem que ter qualquer coisa além da beleza"
Diversas vezes por dia, todos os dias, esta frase passa por minha cabeça, e penso...
Beleza sem inteligência é vazio,
Beleza sem ética é vergonha,
Beleza sem simpatia é arrogância,
Beleza sem educação é antítese,
Beleza sem auto valorização é depreciação,
Não se saber mulher, é pedir que as trate por vazio, com vergonha, com arrogância, com antítese e ironia, com depreciação...
Do oposto, é completo, é prazeroso, é humilde, é afirmativo, é valorizado e respeitado...
Fico feliz quando lembro das poucas amigas que me orgulham em suas belezas completas, algo além do visual...

Quando uma pessoa se torna inconveniente, a sua ausência é apreciada

Com a mudança de postura, ter menos "amigos" é natural. As pessoas se afastam quando deixamos de oferecer o que elas queriam, ou seja, a ilusão que proporcionávamos.

A sorte apresenta pessoas especiais que nos colocam na totalidade de nossas identidades, encontram sonhos e desejos perdidos em meio a escuridão de nossas falas, heranças dos machucados da vida...
A sorte, ahhhhh a sorte.... Me faz forte... Me volta sonhador...

NAS POSSIBILIDADES DE UM TALVEZ

Estarei a esperar resignadamente o dia do retorno...
Talvez a poesia fique no plano do silêncio...
Talvez ela se expresse pelo encantamento inigualável dos olhos...
Talvez a flor apareça...
Talvez a chuva caia em frente a um perigoso portão de um outrora perigoso bairro...
Talvez aconteça o milagre do cheiro de mato interiorano em plena efervescência de metrópole...

Talvez a lua...
Talvez nem ela...
Talvez o filme... talvez não...
Talvez a gente se reapresente... como duas crianças tateando a descobrir as partes de ambas... os brinquedos... as dores... mais.., muito mais as alegrias... ou ainda um deslumbrar de prazer pela vida teimar em abrir a porta das possibilidades...

Talvez nós dois... e mais nada!